Histórico

Mais votados

Cadastre-se

Preencha os campos abaixo para receber o Boletim do Empreendedor gratuitamente:


6 dicas para uma empreendedora conquistar a atenção do investidor

Edição: 03/2014

Escolher se deseja buscar investidores externos para ampliar o seu negócio ou criar um novo é uma das decisões mais importantes para uma empreendedora. A captação de recursos - seja por meio de investidores anjo, capital de risco ou private equity - pode ajudar a acelerar a transformação de um negócio de uma startup promissora para uma próspera empresa de médio porte. Para aquelas que têm grandes ambições de crescimento, o financiamento é muitas vezes um pré-requisito para o sucesso.






Existem duas questões fundamentais que a empreendedora deve responder: "O que eu quero alcançar? Como o acesso a um aporte de capital me aproximará desse objetivo?”. Além destas serem algumas reflexões que um possível investidor fará, abordar a questão vai ajudá-la a identificar suas próprias ambições para o negócio.

Em última análise, todos os investidores estão à procura de evidências de que uma empresa tem uma boa proposta de valor para o cliente, além de oferecer escalabilidade, ter uma visão de negócios confiável e uma boa gestão financeira.

Aqui estão seis recomendações para que as empreendedoras tornem seus negócios mais atraentes para os investidores:

1 - Demonstre que você está construindo algo sustentável. "É vital para os empreendedores buscar primeiro o foco do seu negócio e aonde quer chegar, ao invés de unicamente o dinheiro, pois o dinheiro é consequência de grandes ideias”. Quem diz isso é o empresário americano da Internet, Tony Hsieh. Os investidores são atraídos por empresas focadas em criar algo sustentável, mais do que aquelas focadas exclusivamente no lucro. Eles serão atraídos por empresas dirigidas por pessoas que estão fazendo algo que amam, o que por sua vez cria um negócio melhor.

2 - Identifique o seu valor estratégico. Os investidores têm interesse em empreendedores com uma ideia certa e aqueles que entendem o seu valor estratégico. Assim, as empresárias devem identificar o atributo mais importante da sua empresa e o que fazem de diferente para provar o valor estratégico para os possíveis investidores e os seus aliados naturais.

3 - Defina sua proposta. Depois de determinar o que diferencia o seu negócio, certifique-se de que você seja capaz de resumir o seu plano de negócio inteiro de uma forma focada e atraente. A captação de recursos exige que você conte a sua história, várias vezes. Por isso você deve garantir que a história contada defina por que você quer ampliar o seu negócio e como será a sua eventual estratégia. Diferentes tipos de investidores vão querer saber coisas diferentes, por isso, adapte o seu plano nesse sentido.

4 - Descreva como o capital será gasto. Resuma o montante do financiamento que você precisa, porque ele é necessário, e exatamente como o capital será gasto. Tenha um plano de ação estratégico, que mostre um crescimento ambicioso, mas realista, tanto no curto quanto no longo prazo.

5 - Tenha finanças sólidas. Naturalmente, suas finanças serão de grande interesse para os possíveis investidores. Não deixe de incluir informações financeiras dos últimos anos, bem como previsões, detalhando lucros e prejuízos, fluxo de caixa e balanço. Validação de uma empresa de contabilidade respeitável irá aumentar a confiança do possível investidor em seus números e processos, e estes devem ser apoiados por documentação atualizada.

6 - Mostre que você é inovadora. Demonstre que sua empresa tem uma cultura de criatividade e inovação. Somente a postura de assumir riscos leva a ideias de sucesso e grandes produtos nascem do fracasso e do aprendizado. Demonstre conhecimento de seu mercado e apresente sua equipe, pois, não importa quão boa seja a estratégia, os possíveis investidores vão querer saber se você tem as pessoas certas para executá-la.

Também é importante reconhecer que um dos atributos que você precisa ter é paciência. Captar recursos muitas vezes pode demorar mais do que um empresário quer ou espera, especialmente se a empresa ainda estiver em sua fase de startup, com quase nenhum histórico de cumprimento das suas previsões. Para obter o melhor resultado para o seu negócio, esteja preparada para um processo demorado, e prepare-se para as dificuldades econômicas, legais e até mesmo emocionais que podem aparecer durante a jornada. Boa sorte!

*Deise Dalla Nora é Diretora de Vendas para Varejo na Dell Brasil e sponsor local do Dell Women’s Entrepreuneur Network (programa voltado ao estímulo do empreendedorismo feminino)

Fonte
Pequenas Empresas & Grandes Negócios

 

Deixe seu comentário:









Digite este número...

O que você achou desta matéria?

Vote e ajude-nos a melhorar.



Os seu e-mail e o seu CPF não serão exibidos nos comentários. Eles serão guardados em nossa base para podermos atender você, cada vez melhor!

Comentários (2)

-
Achei muito interessante, pois nos alerta que precisamos ter um plano de ação bem definido antes de sair em busca de capitação de recursos.
-
 Olá Nicassia. Obrigada por comentar! Sucesso!
-
Esta matéria é muito importante, pois é isso que um empreendedor precisa para obter sucesso.
-
 Olá Iraci. Agradecemos seu comentário! Conheça também o nosso novo Blog, feito por especialistas em pequenos negócios: www.sebraepr.com.br/blog

Boletins especiais