Histórico

Mais votados

Cadastre-se

Preencha os campos abaixo para receber o Boletim do Empreendedor gratuitamente:


8 dicas para empresários não perderem dinheiro com a Copa do Mundo

Edição: 06/2014

Conforme estabelecido pela lei geral da Copa, em dias de jogos do Brasil será feriado. O que significa alegria para muitos assalariados, é motivo de preocupação para empresários, já que menos dias úteis impacta na produtividade e, consequetemente, nas contas da empresa.



A preocupação não é por menos. Um estudo da FGV (Fundação Getulio Vargas) mostra que os feriados brasileiros que caem nos dias úteis causam um prejuízo de R$ 6 milhões na economia do País.

Segundo o especialista Fernando Macedo, da consultoria em redução de custos para empresas ERA (Expense Reduction Analysts), nem sempre a compensação de horas dos colaboradores será suficiente para gerar o mesmo nível de produção, serviços e vendas. Os reflexos das margens de lucros assustam os empreendedores após o evento.

Driblando as baixas expectativas
Para ajudar as empresas no planejamento e execução de ações que podem impedir prejuízos e não deixar que a competitividade fique comprometida, Macedo elaborou algumas dicas simples, mas eficientes. Confira:

1. Adapte-se ao clima. Quanto mais ignorar a Copa maiores serão seus problemas com seus colaboradores. Promova um acordo prévio, não deixe simplesmente para "compensar horas" depois (atenção com os dissídios das categorias).
2. Revise sua estrutura de custos de infraestrutura e busque um modelo de "hibernação", trabalhando no mínimo de suas necessidades
3. Renegocie para este período específico os contratos de prestação de serviços (caso a caso) com base na Tabela de jogos da Copa.
4. Em vez de renegociar prazos de entrega mais dilatados, tente reluzi-los.
5. Esteja atento à gestão de seus estoques: seu equilíbrio determinará a retomada de rotina sem percalços após a Copa;
6. Cuidado com os excessos em eventos promocionais: convidar um cliente (ou vários) para ver o jogo pode sair caro.
7. Incentive a integração, afinal os adversários são distantes. Capitalize a euforia natural do momento como motivação para sua empresa.
8. Crie um plano de contingência considerando pontos chaves do seu negócio.

Fonte
UOL Economia

 

Deixe seu comentário:









Digite este número...

O que você achou desta matéria?

Vote e ajude-nos a melhorar.



Os seu e-mail e o seu CPF não serão exibidos nos comentários. Eles serão guardados em nossa base para podermos atender você, cada vez melhor!

Boletins especiais