Histórico

Mais votados

Cadastre-se

Preencha os campos abaixo para receber o Boletim do Empreendedor gratuitamente:


A importância da contabilidade para os pequenos negócios

Edição: 10/2014

Os pequenos negócios representam cerca de 20% do PIB brasileiro ou pouco mais de R$ 1 trilhão.



Conforme entrevista do Presidente do Sebrae Nacional, Luiz Barreto ao jornal eletrônico Brasil Econômico em 08 de janeiro de 2014, ele diz o seguinte:
“a taxa de mortalidade vem diminuindo nos últimos 10 anos e em julho de 2013 a sobrevivência chegou a 76%. Há dez anos, esse índice era de 50%. A atual taxa mostra uma melhor capacidade das micro e pequenas empresas para superar dificuldades nos primeiros dois anos do negócio. Nesse período inicial, a empresa ainda não é conhecida no mercado, não possui carteira de clientes e, muitas vezes, os empreendedores ainda têm pouca experiência em gestão. É o período mais crítico porque a empresa está se lançando no mercado e muitas vezes o empreendedor não tem experiência na gestão de um negócio. Mas, qualquer taxa de sobrevivência acima de 70% já pode ser considerada positiva.” Fonte: Brasil Econômico – 08/01/2014

Ser empreendedor, significa ser motivado pela auto realização, pelo desejo de assumir responsabilidades e ser independente. Exige busca de oportunidades, correr riscos calculados, exigência de qualidade e eficiência, persistência e comprometimento.

Mas, no momento que o candidato a empreendedor toma a decisão de legalizar a sua empresa, não pode esquecer que, a escolha de um bom profissional da contabilidade pode ser a chave do sucesso, concomitantemente com um bom planejamento empresarial.

Os profissionais da contabilidade são capazes de estimular os empresários, com os quais trabalham e de quem obtém uma estreita relação de confiança, os melhores comportamentos empreendedores, pois desenvolvem as suas habilidades gerenciais em favor da gestão adequada da sua empresa.

A contabilidade hoje deve ser usada como ferramenta para a tomada de decisão, pois exerce um papel relevante na gestão empresarial, à medida que fornece subsídios ao administrador. Por meio dela, o empresário é capaz de fazer uma avaliação da situação patrimonial da empresa, prognosticar tendências, planejar atividades.

Para tal, a contabilidade se utiliza de diversas técnicas e instrumentos, tais como: escrituração, demonstrações contábeis, análise e interpretação das demonstrações contábeis, auditoria e perícia. O fator negativo da contabilidade nas empresas surge, quando o profissional a utiliza para atender interesses próprios ou de terceiros de forma fraudulenta, fugindo, assim ao campo da ética que deve prevalecer em toda relação de trabalho.

Por mais que a legislação dispense o MEI – Microempreendedor Individual de manter a sua escrituração contábil, por ser simplificada, o contador tem um papel de extrema importância para o sucesso da sua empresa, pois é no momento que o MEI precisa registrar um funcionário, participar de uma licitação ou mudar de porte por excesso de faturamento que o contador é a assessoria ideal para o empresário.

No momento da contratação de um profissional da contabilidade, pesquise o mercado, busque referências com outros empresários e se for necessário consulte o Conselho Regional de Contabilidade, para saber se o profissional que deseja contratar está com o seu registro ativo e assim evitar possíveis “dores de cabeça”.

Com isto, a contabilidade é de extrema relevância para todos os portes de empresas, desde o MEI até as empresas de grande porte, mas não só com a finalidade fiscal mas também com a finalidade de gestão empresarial, pois o profissional da contabilidade tem um papel fundamental neste processo junto com o empresário, o de deixar de ser um “guarda livros” para ser um consultor de negócios do empresário.

Por Juliana Marina Schvenger

Fonte
Blogs SEBRAE/PR

 

Deixe seu comentário:









Digite este número...

O que você achou desta matéria?

Vote e ajude-nos a melhorar.



Os seu e-mail e o seu CPF não serão exibidos nos comentários. Eles serão guardados em nossa base para podermos atender você, cada vez melhor!

Comentários (4)

-
Sou prestador de serviços moto frete não sei qual é a porcentagem que tenho que separar do meu lucro diário para não misturar com minhas próprias finanças?
-
 Olá Antônio, boa tarde!

Obrigada por comentar. Acesse o blog do Sebrae/PR sites.pr.sebrae.com.br/blogs/categoria/credito/
-
as vezes não consigo controlar minhas finanças, tenho um pequeno negocio de vendas de bombos, e refrigerantes , gostaria de saber como calcular na pratica o meu lucro das vendas realizadas .
-
 Olá Gerson, boa tarde!

Obrigado pelo comentário. Acesse o SEBRAE RESPONDE no link: www.sebraepr.com.br/Portal/Fale.do e converse diretamente com um dos nossos consultores. Este serviço é gratuito.

Conheça Especial para empresários de microempresas www.sebraepr.com.br/sites/PortalSebrae/sebraeaz/Pratique

Sucesso!
-
Eu acho incrível pois tem muita gente que não faz ideia do que fazer.
-
 Olá Barbara, boa tarde! Agradecemos seu comentário! Conheça também o nosso novo Blog, feito por especialistas em pequenos negócios: www.sebraepr.com.br/blog 
-
Ótimo, gostei, franco/claro e óbvio, tive muito proveito, agradeço.
-
 Olá. Agradecemos seu comentário! Conheça também o nosso novo Blog, feito por especialistas em pequenos negócios: www.sebraepr.com.br/blog

Boletins especiais