Histórico

Mais votados

Cadastre-se

Preencha os campos abaixo para receber o Boletim do Empreendedor gratuitamente:


6 dicas para ter sucesso no planejamento da empresa

Edição: 10/2015

 Planejar é uma das atividades obrigatórias tanto para as grandes empresas como para os médios e pequenos negócios. Para Luiz Claudio Zenone, professor de “Marketing de Relacionamento, Fidelização dos Clientes e Pós-Venda” no MBA Comunicação Empresarial & Mídias Digitais do Instituto de Pós-Graduação e Graduação (IPOG), doutor em Ciências Sociais e mestre em Administração com ênfase em Marketing, o planejamento auxilia o gestor na identificação de ameaças e oportunidades de mercado, contribui significativamente na elaboração de estratégias mercadológicas eficientes e, ainda, na gestão organizacional, para que seja mais eficaz.

Porém, apesar das vantagens oferecidas pelo planejamento, muitas empresas não conseguem fazê-lo. Seja pelo investimento necessário para programar ou manter uma organização diária ou por falta de cultura organizacional, certos gestores simplesmente negligenciam o planejamento e conduzem o negócio a partir do seu próprio feeling.

“A relação custo versus benefícios oferecidos pelo planejamento será favorável para a empresa desde que a mesma esteja disposta a utilizar as informações em suas estratégias e entenda que deve ser um compromisso de toda a organização, ou seja, de todas as áreas e pessoas”, explica Zenone.

Para as empresas que desejam iniciar o planejamento, o professor destaca algumas dicas:

1. Verifique quais as informações são importantes em cada área
2. Identifique como as informações deverão ser obtidas e como deverão ser atualizadas
3. Defina os responsáveis pelas informações
4. Analise as informações disponíveis com base nos indicadores internos da empresa (vendas, produção, recursos humanos, financeiros etc.)
5. Elabore possíveis cenários (otimista e pessimista, no mínimo) e defina ações para cada um deles
6. Estabeleça cronograma e indicadores para acompanhamento das ações
O importante é que a empresa esteja convencida sobre as vantagens e os desafios do planejamento e saiba que é uma atividade de longo prazo e contínua. “Como última dica, é importante que a empresa desenvolva seu próprio modelo de planejamento e utilize recursos próprios. Pode até contratar alguma consultoria para iniciar ou tirar algumas dúvidas ou pegar ideias, mas é importante não ficar dependente de ninguém”, conclui.

Fonte: empreendedor.com.br

LEIS E NORMAS

Deixe seu comentário:









Digite este número...

O que você achou desta matéria?

Vote e ajude-nos a melhorar.



Os seu e-mail e o seu CPF não serão exibidos nos comentários. Eles serão guardados em nossa base para podermos atender você, cada vez melhor!

Boletins especiais