Histórico

Mais votados

Cadastre-se

Preencha os campos abaixo para receber o Boletim do Empreendedor gratuitamente:


Ficar com ou na CRISE

Edição: 10/2015

 Está na conversa de todos, em qualquer lugar que vamos não se fala de outro assunto senão a crise econômica atual, não como uma possibilidade de acontecer, e, sim como um fato real e ainda a saber qual a dimensão exata que terá para os próximos dias.
O detalhe não é só indagar sobre a crise econômica, procurar culpados, motivos
e ficar no divã fazendo o tratamento, essa questão é real e cada dia se esclarece mais.
Não é a questão de quem é o governo atual, pois a pessoa com o menor conhecimento sobre economia e finanças, percebe os sinais da crise, que, afinal, está por todos os lados. Um exemplo é fazer compras a qualquer supermercado, subiram mais que os reajustes ao poder de consumo do cidadão.
Então, agora é saber e ter inteligência para ver de que forma ela irá impactar os setores da nossa economia, e muito mais, sobre nossas finanças. Momento de repensar e ver a estratégia escolhida. Vejamos algumas ideias.
Conhecer as suas habilidades, do produto e do serviço. Para os empreendedores a recomendação são: de se preparar-se para tempos difíceis, não de desespero,
e, sim de encontrar oportunidades, analisar alguns investimentos e pensar mais nas decisões estratégicas do seu negócio.
Ter uma visão clara do melhor caminho a seguir será fundamental. O certo é que o Brasil e os negócios não irão parar e sim diminuir o compasso nos setores econômicos, assim a sugestão e ficar atento para observar possíveis oportunidades e dar uma guinada na crise.
Portanto, ter independência é fazer por si e não esperar pelo governo. Faça o que estiver ao seu alcance, faça você primeiro a sua parte, seguindo algumas sugestões:

1. Quais são as minhas fraquezas?
2. Aonde eu não entrego ou atendendo com meus serviços?
3. Como eu entrego os produtos e serviços?
4. Qual é o meu envolvimento com meu empreendimento?
5. Tenho conhecimento para executar o que proponho a oferecer aos clientes?

É preciso verificar o potencial de crescimento do empreendimento defronte a realidade atual, também importante conhecer o histórico das ações que já aconteceram em períodos anteriores. Assim de maneira a equilibrar as futuras ações de crescimento e expansão observando sempre a dinâmica da nossa economia e a global
O Sonho de ser empreendedor começa com você e a realidade construímos juntos.

Deixe seu comentário:









Digite este número...

O que você achou desta matéria?

Vote e ajude-nos a melhorar.



Os seu e-mail e o seu CPF não serão exibidos nos comentários. Eles serão guardados em nossa base para podermos atender você, cada vez melhor!

Boletins especiais