Histórico

Mais votados

Cadastre-se

Preencha os campos abaixo para receber o Boletim do Empreendedor gratuitamente:


Lições de empreendedorismo com quem deu certo

Edição: 10/2011


Aquela velha frase de para-choque de caminhão “É fácil falar de mim, o difícil é ser eu” poderia ter sido cunhada por 9 entre 10 empreendedores de sucesso no país. Prosperar com um negócio próprio não é tarefa fácil. Prova disso é o alto índice de empresas que fecham as portas antes de completar cinco anos de existência, que chega a 58%, segundo pesquisa do Sebrae, realizada em 2010.

Por conta de tanta dificuldade, dividir experiências com quem é do ramo pode ser muito valioso. Uma pesquisa da Endeavor/UNCTAD feita este ano indicou que 65% dos empreendedores inovadores se inspiraram em um caso de sucesso durante suas trajetórias.

Pensando nisso, a Endeavor Brasil, ONG que promove o empreendedorismo, realizou o Day 1, um evento para inspirar e incentivar novos empresários a sonharem grande. O encontro, que aconteceu na noite de terça-feira (16/08), em São Paulo, reuniu cinco grandes empreendedores: Alexandre Costa, da Cacau Show; Eduardo Ourivio e Mário Chady, do Spoleto; Marcelo Alecrim, da Ale Combustíveis; e Sônia Hess, da Dudalina.

Utilizando o badalado método de storytelling, eles falaram de suas trajetórias, incluindo os momentos difíceis, e deram dicas valiosas para o sucesso.

1. Trabalhe, trabalhe, trabalhe – todos os empreendedores de sucesso, sem exceção, dedicaram boas horas de sua juventude ao sucesso do negócio. Alexandre Costa, da Cacau Show, chegou a passar dias e noites fazendo ovos de páscoa numa cozinha emprestada. Já Marcelo Alecrim, da Ale Combustíveis, chegou a dormir nos seus postos de gasolina, com a atenção 100% voltada para o trabalho.

2. Aprenda com seus erros – acertar logo na primeira tentativa não é a regra. A rede Spoletto, por exemplo, surgiu após os sócios Eduardo Ourivio e Mário Chady se darem mal com alguns restaurantes no Rio de Janeiro.

3. Vá atrás do sim, porque o não você já tem – no comando da Dudalina, a maior exportadora de camisas do Brasil, Sonia Hess iniciou a fabricação de camisas femininas mesmo contra a vontade de alguns de seus sócios e se deu bem.

4. Tenha a coragem de correr riscos – o risco é a condição sine qua non para o crescimento de um negócio. Para criar sua distribuidora de combustíveis, Marcelo Alecrim chegou a entregar ao banco todos os seus bens. Eduardo Ourivio e Mário Chady estavam totalmente sem dinheiro e acumulando prejuízo atrás de prejuízo quando decidiram arriscar tudo e partir para o ramo de franquias.

5. Lidere pelo exemplo – o fazer vale mais que o mandar fazer. Mostre a seus funcionários como você quer que as tarefas sejam executadas e deixe claro que o sucesso da empresa depende também deles. Foi o que fez Marcelo Alecrim, na Ale Combustíveis. Quando sua empresa mudou a sede de Natal para Belo Horizonte, ele foi o primeiro a se mudar e matricular os filhos numa escola na capital mineira. Ao fazer isso, todos os diretores da companhia ficaram mais seguros para fazer o mesmo.

6. Sociedade em sintonia – negócios abertos em sociedade necessitam de uma sinergia grande entre os sócios para dar certo. Para Eduardo Ourivio e Mário Chady é importante que as partes tenham o mesmo foco e se complementem. “Sociedade de 1+1=2 não dá certo. Tem que ser 1+1=6”, dizem os fundadores do Spoleto.

Fonte: http://epocanegocios.globo.com
 

Deixe seu comentário:









Digite este número...

O que você achou desta matéria?

Vote e ajude-nos a melhorar.



Os seu e-mail e o seu CPF não serão exibidos nos comentários. Eles serão guardados em nossa base para podermos atender você, cada vez melhor!

Comentários (10)

-
Gostei muito, e satisfatório aprender com grandes profissionais de sucesso.
-
 Olá, boa tarde!

Agende um horário com um consultor SEBRAE/PR e tenha um atendimento gratuito e personalizado. Para agendar ligue, 0800 570 0800.

Se preferir envie a sua duvida diretamente a um consultor SEBRAE Responde app.pr.sebrae.com.br/JCorporativo/Fale.do

Conheça sobre as ideias de negócios de Curitiba e região metropolitana, acesse: negociosemcuritiba.com.br/

Obrigada e boa sorte!
-
boa noite achei muito interessante a ateria pois tenho uma auto peças em Guarulhos comecei em 2007 com sócio em um ano tive que desfazer a sociedade o que dis Eduardo ouriveo e mario chade e a mais pura verdade agora estou tentando sozinho aos poucos e procuro sempre me espelhar em pessoas de sucesso em seus trabalhos muito interessante um abraço
-
Olá Marcos, boa tarde!

Obrigada por comentar. Aproveite para descobrir qual é o seu perfil empreendedor. Faça o teste agora mesmo e descubra, acesse: www.perfildoempreendedor.com.br


Obrigada e boa sorte!
-
Ola SEBRAE -PR. Estou mto interessado em ingressar no ramo de vestuario. Porem não tenho capital para começar o meu negocio! Então estou planejando agir da seguinte forma: Buscar calças em Cianorte no Paraná e começar a vender para os proprios amigos, conhecidos do meu meio social. Gostaria de obter algumas dicas de como alavancar o negocio. Lembrando que ainda nao iniciei as atividades e pretendo começar o "negocio" com um capital de R$ 2.000,00. Ótima a materia, vendo esse pessoal todo progredindo, me animo cada vez mais para ser meu proprio patrão...
-
Olá Everton. Acesse o SEBRAE RESPONDE no link: http://www.sebraepr.com.br/portal/page/portal/PORTAL_INTERNET/PRINCIPAL2004/FALE Nossos consutores vão orientar você a seguir o melhor caminho. Abraço SEBRAE/PR
-
Muito valioso estas experiencias compartilhadas por voçes, gostaria de poder saber mais historias de pessoas batalhadoras e focadas em prol de trilhar melhores porem nao mais faceis caminhos. Obrigado
-
Olá Maycon. Acesse a Seção Negócios de Sucesso no nosso portal: www.sebraepr.com.br. Muitas histórias para você se inspirar e obter o sucesso em seu negócio!
-
Leonir, continue assim! Se precisar, conte conosco!
-
ótima matéria, acho que estou no caminho certo,
-
Pessoal, obrigada pelos comentários! Abraço SEBRAE/PR
-
gostei muito da matéria,estava precisando dessas dicas pois estava pra tomar uma decisão provavelmente não teria sucesso,eu iria mandar fazer e o correto é fazer.
-
muito espiradora essa matéria, + ainda para mim que tenho uma empresa de higiêne que não consigo divulgar e nem fechar contratos,talves por não posssuir nome no mercado e pouca esperiência.trabalho muito mas ainda falta algo presiso de ajuda .
-
ótima a matéria, está querendo reacender uma chama que está quase apagada em relação ao negócio que montei e venho tendo uma enorme dificuldade em manter aberto minha auto peças !!! Mas já estou pensando em mudar os planos e me dedicar mais e vencer, vencer e vencer!!!!

Boletins especiais