Histórico

Mais votados

Cadastre-se

Preencha os campos abaixo para receber o Boletim do Empreendedor gratuitamente:


3 motivos para buscar um mentor para sua startup

Edição: 03/2013

 Mãe, melhor amigo, um querido professor, um primo mais velho... Quem nunca recorreu a algum deles para um conselho, uma ajuda ou algumas dicas de como lidar com algum problema amoroso, familiar, financeiro ou existencial?



E quando essa ajudinha de que você precisa está relacionada à sua startup, a quem recorrer? É aí que o mentor entra em ação.

Se você está começando sua empresa e ainda não está convencido da ideia de contar com essa ajuda, o investidor Edson Rigonatti, da Astella Investimentos, lista alguns motivos para ter um mentor:

- Abre novos caminhos: “Um mentor é alguém interessado em contribuir conhecimento, experiência e relacionamentos para empreendedores”, diz o investidor. Um bom mentor ajuda abrir portas para a sua startup, apresentando potenciais clientes e parceiros de negócios.

- Traz bagagem: Como já são mais experientes, os mentores podem trazer aprendizados valiosos para os empreendedores. “Uma startup é uma entidade em busca de um mercado (product market fit) e para tal precisa de conhecimentos de tecnologia, marketing, finanças, operações; experiência em como construir uma empresa e relacionamentos com clientes e fornecedores”, diz.

- Complementa o time: Às vezes você é bom em uma área, mas sabe muito pouco de outra. Por exemplo, sabe vender, mas não sabe negociar na hora de comprar. “Nem sempre os fundadores ou os colaboradores têm todos os recursos. Os mentores ajudam a preencher as lacunas”, afirma.

Convencido de que ter um bom mentor pode ser determinante para o sucesso da sua startup? Então vá atrás dele. A maneira mais fácil de encontrar o seu mentor ideal é fazendo networking. Converse, vá a eventos, não tenha medo de se apresentar e dizer que está procurando por esse tipo de auxílio.

“O mentor ideal é aquele que gosta de ajudar. Ele deve ter algum conhecimento, experiência e relacionamento relevante para a empresa. Eles estão por toda parte. Só não acha quem nem quer (ou não pede)”, conclui Rigonatti.

Fonte
PEGN

Deixe seu comentário:









Digite este número...

O que você achou desta matéria?

Vote e ajude-nos a melhorar.



Os seu e-mail e o seu CPF não serão exibidos nos comentários. Eles serão guardados em nossa base para podermos atender você, cada vez melhor!

Boletins especiais